Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal

Procuradora-Geral do DF

 

 

Ludmila Lavocat Galvão Vieira de Carvalho

 

Bacharel em Direito pela Universidade de Brasília – UnB (1993), Ludmila Lavocat Galvão Vieira de Carvalho é doutora em Direito Processual Civil pela Universidade de São Paulo – USP (2020), com a tese “Parâmetros de aferição da duração razoável do processo”, sob orientação do Professor Titular José Roberto dos Santos Bedaque.

 

É mestre em Direito Processual Civil pela Universidade de São Paulo – USP (2002), com a dissertação “A causa petendi aberta na ação direta de inconstitucionalidade e na ação declaratória de constitucionalidade”. É pós-graduada pelo Instituto Brasileiro de Direito Processual (1998) e pela Escola Superior da Magistratura do Distrito Federal (1996).

 

Ingressou por concurso público de provas e títulos para o cargo de Procurador do Distrito Federal Categoria II, tomando posse na Procuradoria-Geral do Distrito Federal em 26 de março de 1996. Foi promovida, por antiguidade, à Procuradora do Distrito Federal Categoria I em 08/08/2001 e, por merecimento, à Subprocuradora-Geral do Distrito Federal em 22/02/2016.

 

Foi membro do Conselho Superior da Procuradoria-Geral do Distrito Federal dos biênios 2013-2015 e 2015-2017, eleita e reeleita pelo Colégio de Procuradores do Distrito Federal.

 

Ludmila Galvão iniciou sua carreira na 1ª Subprocuradoria, que tratava da matéria de pessoal, atuando na área contenciosa. Em dezembro de 1999, integrou o então Centro de Contratos, Convênios e Licitações, na seara consultiva, elaborando pareceres. Em agosto de 2001, passou a atuar no contencioso da Procuradoria Administrativa – PROCAD. Em maio de 2009, atuou na Gerência de Assuntos Constitucionais, tendo participado da Intervenção Federal nº 5179 perante o Supremo Tribunal Federal. Em agosto de 2012, retornou à Procuradoria Administrativa – PROCAD, na área do contencioso.

 

Em 1º de janeiro de 2019, Ludmila Galvão assumiu o mais alto cargo da Procuradoria-Geral do Distrito Federal, por nomeação do Governador Ibaneis Rocha.